Infográfico interativo no IG

Pouco a pouco começam a aparecer no Brasil iniciativas de infográficos interativos (o porquê deles serem chamados assim é outra questão não abordada neste post!), algo já bem comum em outros países como Argentina, EUA, Espanha. A iniciativa foi do IG e o link está na matéria Exército georgiano está “parcialmente destruído”, afirma Tbilisi.

Para acessá-lo, você terá de ir até o finalzindo da

matéria, quando “metem” uma imagem tosca no meio do texto chamando um conteúdo que é diferencial. Apesar disso, o infográfico é organizado de forma interessante. Mostra, por exemplo, a cronologia e origem da guerra (embora este conteúdo também esteja chamado em texto) e conta a construção do Oleoduto BTC, óbvio, o real motivo da rusga. O título do infográfico é “Geórgia – Tropas russas ocupam Gori”, e abre em pop-up. O design é esquisito, soa como algo de 1999 e a autoria não fica clara, apesar de um loguinho pequeno no canto inferior direito mostrar a marca da agência de notícias AFP. Daí, não fica claro quem fez o conteúdo, o design e a programação. Ok, a informação é da AFP? O design e a programação também? Há um botão “créditos”, mas é quase impossível adivinhar os nomes e a qual instituição eles estão vinculados.

Assim, achei ótima a iniciativa, mas a edição um pouco confusa, com links espalhados por todo o texto, no começo, meio e final, sem um sentido de orientação pelo qual podemos nos guiar e voltar a achar os conteúdos/links da matéria. Quem tiver paciência pode comparar com o infográfico do mesmo assunto publicado no El País, e vai ver que há uma nítida influência do jornal online espanhol na forma como se faz este tipo de conteúdo multimídia. A forma de navegação pelo infográfico, por meio de ícones de “i” (informação) na primeira imagem, por exemplo. A diferenã é que, na seqüência, o infográfico do El País é melhor resolvido na questão de navegação e otimização de espaço e design. Considerando que eles estão há pelo menos cinco anos na nossa frente em termos de experimentação, não é de se estranhar.

Anúncios

2 comentários sobre “Infográfico interativo no IG

  1. Daniela,

    O UOL publica diariamente esses infos da AFP há mais de um ano. São mesmo muito legais.
    O desafio não é adotar infográficos, e sim vencer a dependência dos portais em relação às agências de notícias. E isso vai muito além dos infos.
    tks
    Rodrigo

  2. Olá Rodrigo,

    obrigada pela informação! Acho que o desafio está em desenvolver linguagens apropriadas aos meios digitais, aplicáveis ao Jornalismo, e o infográfico interativo vem demonstrando ser uma aplicação de linguagem digital. Agora, sobre a dependência dos portais de agências de notícias…acho que a tendência é depender cada vez mais. Não acredito que há um movimento que mostre o contrário; talvez os jornais impressos tenham é que se preocupar mais com isso, pois precisam de cada vez mais conteúdo diferenciado para vender algo original e não as notícias de ontem. Jornalismo independente de agência de notícias na internet não será o oficial, imagino! Valeu! abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s